< voltar

Engajamento e retenção de colaboradores: conceito e boas práticas

Engajamento e retenção são dois fatores-chave para empresas que desejam alcançar o sucesso e manter os colaboradores felizes e satisfeitos.

Ao conquistar taxas de retenção altas, os gestores têm condições de garantir o engajamento do time e a expansão dos negócios. No entanto, quando a empresa não consegue reter os profissionais, tende a ter dificuldades para se destacar em projetos de longo prazo.

Em síntese, o engajamento e a retenção dos profissionais estão interconectados e podem, sim, determinar o sucesso de uma organização.

Entenda, neste artigo, a importância dessas abordagens e conheça algumas boas práticas valiosas.

Continue a leitura!

O que é engajamento e retenção de talentos?

Com um mercado cada vez mais competitivo, manter bons talentos no quadro de colaboradores da empresa é fundamental. Afinal, isso impacta diretamente no crescimento da organização. Dessa forma, investir em estratégias voltadas para o engajamento e retenção de colaboradores é essencial para o RH.

Mas, afinal, qual a diferença entre engajamento e retenção de talentos?

O engajamento é um termo usado para se referir à participação colaborativa para um propósito comum. Quando aplicado ao ramo empresarial, o engajamento se refere ao quanto o colaborador está disposto a se envolver e colaborar para o crescimento do negócio. Ou seja, um profissional engajado é aquele que “veste a camisa da empresa”.

a retenção de colaboradores é um conjunto de medidas que visa despertar e manter a motivação dos colaboradores. O impacto gerado pelo engajamento contribui para a retenção de talentos. Afinal, profissionais satisfeitos com seu trabalho não têm razões para deixar o cargo.

Por que a retenção de talentos é importante?

O turnover ou taxa de rotatividade é um grande problema. Pois, é um fator que influencia diretamente os processos internos e na estabilidade da organização.

Isso porque quando os profissionais não se adaptam ou estão descontentes com o cargo, eles optam por sair da empresa, gerando prejuízo financeiro e retrabalho. Na prática, os custos com admissão e demissão são altos, sem contar o tempo gasto em integração e treinamento.

Nesse sentido, desenvolver estratégias voltadas para a retenção de colaboradores contribui para reduzir a taxa de rotatividade. Confira os benefícios que essa estratégia pode trazer para a sua empresa.

Benefícios

  • Melhora no clima organizacional: um ambiente agradável é fundamental para exercer um bom trabalho. Ao criar ações para a retenção de talentos, a empresa contribui para a satisfação dos colaboradores e torna o ambiente de trabalho mais agradável.
  • Cultivo interno de talentos de alto nível: de acordo com um relatório de 2022 do LinkedIn, empresas que valorizam as pessoas retêm os colaboradores por uma média de 5,4 anos, quase o dobro das empresas que lutam com isso. Ao permitir que os funcionários avancem na carreira dentro da empresa. Portanto, além de reduzir o tempo e os custos de contratação, você os retêm por mais tempo.
  • Melhora no employer brand: este conceito se refere à imagem da empresa, e como o público enxerga a marca. Mas, o que isso tem a ver com retenção de talentos? Tudo! Colaboradores contentes e motivados auxiliam no fortalecimento da marca, pois serão promotores de qualidade e defensores da empresa perante o mercado.
  • Relacionamentos mais fortes com os clientes. Independentemente do setor, o relacionamento com o cliente sempre será aprimorado com pontos de contato consistentes em sua empresa. A alta rotatividade costuma gerar atrito no relacionamento com o cliente, que deixa de receber as entregas com a qualidade que estava habituado. Afinal, o novo colaborador terá uma jornada de aprendizagem até conhecer o perfil e as preferências de cada cliente. 

Engajamento e retenção de colaboradores: 5 boas práticas para ajudar o RH

Como vimos, a retenção de talentos oferece ótimos benefícios para a empresa. Além disso, quando bem aplicada pode fortalecer a produtividade e trazer melhores resultados para a organização. 

Entretanto, para que ela funcione de maneira correta é preciso planejar uma boa estratégia e saber como aplicá-la. Confira, a seguir, 5 boas práticas que podem te auxiliar nessa tarefa!

#1 Invista em integração

Trabalhar a jornada do colaborador é importante para fortalecer a relação ‘empresa e profissional’, desde o seu primeiro contato com a organização. Portanto, enviar e-mails ou mensagens ao novo integrante da equipe pode prepará-lo para os seus primeiros dias. 

Vá além do texto, crie um pequeno vídeo de apresentação da empresa, incluindo a missão, visão e valores, e da equipe para dar boas-vindas a este novo integrante. Seja criativo! Invista em algo que atraia e cative o profissional, deixando-o motivado para iniciar o trabalho. 

#2 Fortaleça uma cultura positiva

A cultura organizacional forte contribui para despertar o sentimento de pertencimento, o novo colaborador precisa se adaptar rapidamente e de um modo fácil. Nesse sentido, investir em ações que auxiliem nesse processo pode ajudar.

Por exemplo, as dúvidas são muito comuns nas primeiras semanas, afinal é uma nova experiência. Sendo assim, o colaborador precisa saber a quem recorrer para tirar suas dúvidas. É importante demonstrar que a empresa é um espaço de trabalho colaborativo e aprendizado, onde todos podem questionar e apresentar novas ideias. 

#3 Escute sua equipe

É importante que a empresa crie uma política de escuta ativa. Dar espaço para que os profissionais registrem seu feedback sobre a organização é uma forma de fortalecer o engajamento. Pois, gera uma sensação de pertencimento nos colaboradores. 

Dessa forma, a empresa pode melhorar seus processos com base nos feedbacks e entender o nível de satisfação de cada colaborador.

#4 Valorize seus profissionais

O sucesso da equipe é o sucesso da empresa. Logo, é preciso valorizar as pessoas e reconhecer suas realizações. Afinal, são elas contribuem para que a organização possa colher bons frutos. Portanto, fornecer feedbacks sobre o trabalho de cada colaborador é importante para que eles saibam o que está dando certo, e o que pode ser melhorado.  

Além disso, oferecer oportunidades de avanço na carreira na companhia é uma forma de permitir os profissionais cresçam dentro dela. Nesse sentido, um plano de carreira pode ser uma forma de engajá-los e despertar o desejo de permanência.

#5 Melhore a comunicação interna 

Uma ótima maneira de aumentar a retenção é aprimorar métodos de comunicação em todos os níveis do negócio.

Trabalhar a comunicação interna é importante para criar laços e fortalecer a equipe. Além disso, também contribui para verificar se a empresa está tendo sucesso no engajamento.

Tão importante quanto ter uma plataforma que permita feedback confidencial, é investir em ferramentas que permitam a integração, a colaboração e a comunicação entre todos os profissionais. Essa solução também deve ter espaço para que os gestores possam se comunicar com as equipes, usando um tom de voz institucional e amigável. 

Uma boa prática importante é acompanhar como a equipe está recebendo os boletins e e-mails informativos. Essa é uma ótima forma de verificar o nível de interesse e engajamento deles.

Para começar, priorize a valorização e o bem-estar das pessoas 

A retenção é um desafio real que deve ser abordado pelos gestores, especialmente quando a empresa já tem altas taxas de rotatividade.

O nível de engajamento dos colaboradores pode ajudar a melhorar a retenção. Contribuindo, também, para um aumento na produtividade e na percepção de valor dos clientes. Esse é o tipo de estratégia ganha-ganha: colaboradores, consumidor e empresa são beneficiados. 

Agora que você já conhece algumas boas práticas, que tal começar a aplicá-las? Concentre-se na cultura da sua empresa e tome medidas proativas para melhorar o engajamento dos colaboradores e reduzir as taxas de rotatividade. 

Atualmente, é crucial manter as práticas recomendadas de engajamento para reter os seus melhores talentos.

E aí gostou do conteúdo? Continue acompanhando nosso blog para saber mais sobre o tema!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *