< voltar

Saiba o que é Business Partner e seu o papel no RH

saiba-o-que-e-business-partner-e-seu-o-papel-no-rh

Entenda como o Business Partner desempenha um papel estratégico para obter a eficiência na gestão de pessoas.

A função que é cada vez mais reconhecida e valorizada dentro das empresas vem conquistando seu espaço graças à eficiência na gestão de pessoas. Atuando como uma ponte entre Recursos Humanos e o setor de Negócios, o profissional que exerce o papel de Business Partner promove o bom relacionamento entre os setores e, por consequência, obtêm êxito em lidar com o bem mais importante das empresas: as pessoas.

Qual a importância do Business Partner? 

Se antes o time de Recursos Humanos e de Negócios mantinha distância dentro de uma companhia, o Business Partner chegou para aproximá-los e tornar as lideranças mais parceiras. Através da gestão de pessoas, as demandas são solucionadas de forma ágil e simples. Ele favorece uma visão ampla dos negócios, especialmente em condições em que os times atuam fisicamente longe, seja entre a sede do escritório e fábricas, matriz e obras de construtoras, entre outros. 

Bom, se partner significa parceria em português, e business é traduzida como negócio, essa função é a combinação perfeita para quem busca integrar as áreas em uma empresa para alcançar bons resultados. 

Como e quando nasceu a função do Business Partner? 

Era uma vez… Pois é, tudo começou em um livro chamado “Human Resource Champions“ que foi publicado na década de 1980 por Dave Ulrich, especialista em gestão de pessoas. Na tradução para o português, ele se tornou “Os campeões de Recursos Humanos” e trouxe as observações do autor sobre o distanciamento entre as áreas de RH e Negócios e o quanto isso prejudica o sucesso das empresas. 

Apesar das dificuldades, diferenças e tudo mais que poderia separar os setores, o autor preferiu focar nos pontos de conexão entre as áreas e, a partir da análise dos desafios, encontrou o que poderia gerar a alta performance de atividades em ambas. Com cada setor contribuindo com soluções, as melhores decisões seriam tomadas, pois o Business Partner é o melhor dos mundos entre dados, relatórios e conhecimento em processos de gestão de pessoas

O que faz um Business Partner na prática?

O Business Partner intermedia a junção entre os líderes de Negócios e os gestores de Recursos Humanos para promover políticas de valorização do capital humano. O perfil de um BP é composto por flexibilidade e empatia, já que transitará entre as áreas. Uma política de boa vizinhança contribui para um bom resultado, pois seus clientes são as lideranças e os colaboradores que integram os times.

As empresas costumam contratar um Business Partner quando necessitam de uma visão aprofundada e estratégica para a organização e, é claro, tem como objetivo o crescimento. Quando o RH limita-se a ver apenas as atividades técnicas da área, não enxerga o todo. Da mesma maneira, a equipe de Negócios pode não contar com as ferramentas adequadas para mediar demandas e evitar conflitos. O consultor é quem leva os feedbacks para os gestores que tomam decisões mais assertivas. 

Como um Business Partner parte deve ser? 

O Business Partner deve ser generalista e contar com um conjunto de habilidades (técnicas e operacionais) que atenda às exigências da função. As principais são as seguintes: saber planejar, saber executar, manter um bom relacionamento, mitigar riscos, mediar interesses e lidar com posições de liderança

A demanda por esse cargo tem crescido, pois cada vez mais empresas estão substituindo os RHs operacionais pelos estratégicos. Para o profissional, basta investir na carreira, pois o mercado tem se mostrado aberto e promissor aos BPs. 

Quais os desafios de um Business Partner? 

Pensando em se tornar um BP ou contratar um profissional com essa qualificação? Saiba que os desafios estão presentes. Equilibrar a lista de desejos e necessidades dos clientes, sejam eles gestores ou equipes, sem deixar nenhum deles desapontado, é um desafio e tanto. 

Um ponto importante é: quem não sente atração pela gestão de pessoas, dificilmente abraçaria a função de Business Partner. Um BP sente orgulho em realizar, ou seja, não somente idealizar, mas também acompanhar os resultados. 

Se sua empresa quer formar equipes de alto desempenho, unindo perfis diferentes com um único objetivo, o BP é decisivo e pode acelerar o processo. O RH e o setor de Negócios comprovam essa combinação de sucesso

Para finalizar, vamos explicar como o BP pode beneficiar as ações do RH. Ele contribui com seus programas, diminuindo gastos decorrentes do recrutamento e seleção frequentes (turnover). Através das melhorias, é comprovadamente notada um contentamento maior das equipes e índice de satisfação mais elevado. 

A Colabbe sabe que toda ajuda é bem-vinda no RH. Conte com nossa plataforma de admissão digital e concentre-se no que você faz de melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *